Curado há um ano, garoto comemora doação de medula em Belém

Curado há um ano, garoto comemora doação de medula em Belém
Foto: Reprodução/Redes Sociais

Ter saúde é o bem mais precioso da vida. E um desejo para muitas pessoas que estão ou enfrentaram algum tipo de doença. Uma criança mostrou a felicidade que sentia pelas ruas de Belém com uma vitória emocionante.

O garoto Davi Mendes passeou pelas ruas da cidade festejando a doação de medula óssea, que completou um ano em abril, após uma batalha contra o câncer.

Nas redes sociais, o garoto apareceu no carro que estava enfeitado comemorando a vitória da vida, ao lado da mãe, Carol Mendes e outros familiares. O conteúdo acabou viralizando na web.

Na época do tratamento, Davi ficou internado em um longo tratamento desde a descoberta da doença, e no ano passado, recebeu a medula nova após várias campanhas nas redes sociais. O garoto ainda está sob cuidados médicos, mas não hesitou em comemorar a data.

Para Carol, a emoção foi em dobro, uma vez que nem mesmo o filho sabia. “A ideia veio do meu pai e em cada local, as pessoas buzinavam e comemoravam. Foi uma surpresa muito grande e uma alegria para o Davi”.

Carol acredita que o objetivo é de orientar as pessoas sobre a doação de medula óssea no Pará. “A nossa intenção desde que abrimos o instagram do Davi foi essa, de conscientizar as pessoas. Posso ter muito dinheiro, mas não salvaria a vida do meu filho. Que as pessoas possam ter um tempo para doar sangue, doar medula e salvar vidas”, declara.

DOADOR DE MEDULA

De acordo com a Fundação Hemopa, o Pará conta com 136 mil doadores de medula óssea que estão registrados em órgãos nacionais e internacionais. Para se tornar doador, basta comparecer ao Hemopa e apresentar documento de identificação, ter idade entre 18 a 55 anos e não possuir histórico familiar de câncer ou HIV, onde será feito uma coleta de 5 ml de sangue para analisar características genéticas de cada candidato.

 

(Informações Dol)

Close Menu